INCOTERMS: Entenda para saber negociar

INCOTERMS

Sua empresa já opera no comércio exterior? Então é muito importante que você conheça as onze condições de transações internacionais, ou que ao menos domine as três mais utilizadas no mercado internacional.

A expressão Incoterms foi criada pela Câmera de Comércio Internacional e teve sua primeira publicação realizada no ano de 1936.

A razão de sua criação se deu na expectativa de diminuir os conflitos relacionados à responsabilidade das negociações internacionais entre importador e exportador e, desde então, vem regulando o comércio internacional.

As onze modalidades vigentes de Incoterms são: EXW, FCA, FAZ, FOB, CFR, CIF, CPT, CIP, DAT, DAP e DDP. Porém, as três mais utilizadas na prática do comércio exterior são: EXW, FOB e FCA.

TUDO sobre Importação

TUDO sobre IMPORTAÇÃO, sem mi-mi-mi, sem blá-blá-blá-blá, direto ao ponto. Quer se manter atualizado? Então Se inscreva nesta lista, é GRÁTIS.>

A modalidade EXW (Ex-Works) pode ser utilizada tanto para agenciamentos marítimos como também para aéreos. Significa que o vendedor formula seu preço para coleta da mercadoria em sua própria fábrica.

A modalidade FOB (Free On Board) pode somente ser utilizada para agenciamentos marítimos, quando o vendedor formula seu preço, responsabilizando-se pela entrega da carga até a transposição da amurada do navio.

Já na modalidade FCA (Free Carrier), a responsabilidade do exportador vai até o momento da entrega da mercadoria desembaraçada para exportação, sendo mais utilizada em embarques aéreos.

O cenário atual da economia mundial demonstra uma grande evolução do comércio internacional, que apesar das crises recentes, tem expandido gradativamente o fluxo de bens importados e exportados neste mercado cada vez mais globalizado.

Por isso, é importante que sua empresa se familiarize com estes termos e domine cada modalidade, na busca de sempre fazer o melhor negócio e aproveitar a melhor oportunidade que o mercado oferece.

Fique atento. Com o domínio dos Incoterms, sua empresa pode melhorar a forma de negociar suas transações internacionais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *