A importância da participação em missões e feiras internacionais

feiras

A feira internacional é o mais importante meio de promoção, informação, comunicação e formação para as empresas que querem continuar competitivas, tanto no mercado externo como no interno.

A Europa é considerada o continente das feiras, onde são realizados 44% destes eventos no mundo, em particular na Alemanha, Itália, França e Espanha.

Apesar dos avanços da internet, a feira ainda é a forma mais barata, pratica e rápida para se auferir o estágio da competitividade da empresa. Representa um grande “fornecedor” de “matéria prima” para o plano de negócios, pois se tem ao alcance, em um único lugar, as tendências em tecnologia, design, níveis de preços, novos fornecedores, entre outros, de um setor específico.

Considerando a atual conjuntura brasileira, com dólar favorável para importações, mercado interno aquecido, grandes projetos de investimentos e eventos esportivos internacionais no calendário, esse é o momento ideal para se incrementar as visitas às ferias internacionais e participar de missões empresarias.

Nessa nova conjuntura, pode-se fomentar a busca por novos fornecedores, novos produtos, novas idéias e fazer um benchmarking com empresas similares de muitas partes do mundo, além de se buscar parceiros para alianças estratégicas. Com as alianças estratégicas, é possível aumentar nosso poder contratual, nossas vantagens competitivas, e aumentar nossas chances em termos globais.

E participando em grupos nessas iniciativas, o empresário consegue reduzir custos, aumentar sua visibilidade, criar oportunidades de contatos em nível estratégico, como interlocutores comercias ou de autoridades no país visitado. Além disso, somente as feiras conseguem oferecer maiores chances de:

  • Contatar uma elevada concentração de público e de concorrentes
  • Buscar novos fornecedores
  • Buscar novos produtos
  • Participar em eventos paralelos para avaliar as tendências
  • Obter informações de mercado
  • Avaliar a competitividade da rede de fornecedores

Participando de feiras e missões internacionais, o empresário consegue “Tomar o pulso” do mercado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *