A Importância Estratégica da Formação de Preço na Importação

A Importação é uma grande oportunidade que bate a porta dos empresários brasileiros, porém a formação de preço de importação é uma das partes mais importantes do processo, pois determina se o produto será competitivo ou não. Pela importância do tópico, este artigo vem auxiliar os interessados.

Não há mais dúvidas sobre as grandes oportunidades de negócios que a importação possibilita para as empresas que ingressam nesse novo mercado ou já fazem parte dele.

Muitas empresas já participam desse mercado de forma indireta, muitas vezes sem saber, pois simplesmente compram seus produtos ou insumos de distribuidores que importam esses produtos.

Empresas que participam do mercado de importação dessa forma, não sabem o quanto elas poderiam aumentar sua margem de lucro e sua participação em parcela de mercado caso deixassem de comprar de um distribuidor para passar a importar por contra própria.

Isso se deve principalmente pelo fato de que quando a importação é feita de forma direta há uma enorme redução de custos operacionais e tributários, sem falar do aumento da capacidade de controle dos processos, o que indica um ganho em tempo e redução de estoques.

TUDO sobre Importação

TUDO sobre IMPORTAÇÃO, sem mi-mi-mi, sem blá-blá-blá-blá, direto ao ponto. Quer se manter atualizado? Então Se inscreva nesta lista, é GRÁTIS.>

Porém, existem alguns fatores que contribuem para que esse mercado não seja alcançado por muitas empresas. Primeiramente a falta de conhecimento em processos de importação, a diferença cultura, mas principalmente pela dificuldade em formar o preço de importação da mercadoria.

A formação do preço de importação representa uma das principais etapas do processo. É nessa etapa que o importador tem condições de analisar a sua competitividade e definir sua estratégia de vendas, porém é uma parte de processo que requer muita atenção e conhecimento técnico, por esse motivo, quando a empresa está ingressando nesse mercado é recomendado que seja contratada uma consultoria especializada para gerir os primeiros processos e prover a transmissão do conhecimento.

Na composição do preço de importação devem ser considerados os custos tributários que também exigem um bom conhecimento da cadeia de tributos na importação, os custos logísticos, operacionais e do produto, separados em duas etapas, a entrada e saída.

Os custos tributários são um tópico a parte, pois é de suma importância que seja feito um planejamento tributário para que a empresa possa usufruir da melhor forma possível dos benefícios e possibilidades de credito e debito, levando em conta inclusive a localização da companhia.

Em um importante trabalho de análise que participei recentemente, foi constatado que 54,5% das empresas que já ingressaram no mercado internacional foram obrigadas a recuar, pois não estavam bem aparadas, protegidas e com um bom planejamento tributário em mãos. O que consequentemente resultou na operacionalização de 1 ou 2 processos com total prejuízo.

E após uma verificação do processo, foi constatado que o prejuízo ocorreu simplesmente pelo fato de que o responsável pelo processo não tinha o conhecimento suficiente para estruturar o seu preço de venda levando em consideração os custos da importação, principalmente os tributários.

O preço de importação é a base para analise da competitividade, portanto, se não for feito da maneira correta é muito provável que a empresa importadora não tenha como cumprir o prometido. Mas é muito importante ressaltar que se a estrutura de preços for feita de forma segura, os ganhos por ingressar no mercado de importação podem ser imensuráveis.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *